Liderança: 4 Erros que Você pode estar Cometendo

Existem diversos autores que discorrem sobre o assunto. Um deles é o autor James C. Hunter, que fala principalmente da liderança servidora, em seu livro, O Monge e o Executivo. A partir desse livro, compilamos alguns erros universais que você, como líder, pode estar cometendo com sua equipe sem saber. Confira!

 

1 – Falar mais do que ouvir

 

O líder deve ser aquela pessoa que toda a equipe confia, muito aberto, aquele em que todos se sentem bastante à vontade para conversar. Dessa forma, o líder deve sempre ouvir muito mais do que falar. E não basta apenas ouvir, mas sim, ouvir ativamente, de forma que você realmente esteja se esforçando para bloquear seus pensamentos, escutar e absorver aquilo que a pessoa está lhe dizendo. O grande erro de alguns líderes é falar muito mais do que ouvir, fazendo com que as pessoas sintam que suas opiniões não são importantes e que não valem a pena serem compartilhadas.

 

2 – Não se colocar no lugar do outro

 

Empatia significa “capacidade psicológica de compreender sentimentos e emoções das outras pessoas”. Para um líder, essa característica é fundamental, pois uma de suas atribuições é lidar com pessoas em seu dia a dia. Para que o líder possa extrair os melhores resultados de sua equipe e entender sua melhor forma de trabalho, ele deve conseguir compreende-la da melhor maneira possível. Para que isso ocorra, na maioria das vezes, é necessário que ele se ponha no lugar do seu liderado, para que assim, possa entender melhor as situações. Sendo assim, um erro dos líderes é não se colocar no lugar do liderado para entender a situação como um todo e tomar decisões mais embasadas.

 

3 – Uso do poder e não da autoridade

 

Existe uma diferença entre poder e autoridade, porém a maioria das pessoas acaba não distinguindo. A autoridade consiste na habilidade de levar as pessoas a fazerem de boa vontade o que você quer, pela sua influência pessoal. Já o poder, é o direito de forçar alguém a fazer o que você quer, mesmo que a pessoa não queira fazer. O grande erro dos líderes é utilizar mais do poder, do que da autoridade. O poder acaba desgastando o relacionamento entre as pessoas, e ainda pode acabar prejudicando o clima e desempenho da equipe.

 

4 – Não ser meritocrático

 

A meritocracia consiste na tomada de decisões baseadas no mérito, ou seja, valorizar e recompensar as pessoas pela dedicação e resultados que entregam. Um comportamento que é valorizado, tende a ser repetido. A meritocracia faz com que seja mais fácil reter talentos, além de que o liderado acaba se sentindo mais responsável por aquilo que ele quer alcançar, fazendo com que ele dê o melhor de si. Dessa forma, um erro marcante de um líder é não prezar por esse merecimento.

 

Nunca teremos a resposta correta de como um líder ideal deve ser. Porém, acredita-se que algumas características ele deva ter, como por exemplo: ouvir mais do que falar, se colocar no lugar do outro, usar a autoridade e não o poder e ser meritocrático.

RC

Sou uma pessoa simples que adora partilhar conhecimento. Profissionalmente eu nem sei dizer o que sou. Às vezes técnico de informática, às vezes programador Web ou Software, às vezes radiologia, às vezes analista de sistemas, às vezes chato na política, mas sempre respeitando as opiniões contrárias, porém nunca perdendo um belo debate. Gosto de música, futebol, filmes(prefiro seriados canadenses) e apoiador de causas pró-minorias.

Comente o que achaste da publicaçao

%d blogueiros gostam disto: